16 de outubro de 2021

Corridas canceladas no Uber tem sido motivo de muita reclamação por parte dos consumidores

Os usuários do app de corridas Uber, vem reclamando do aumento do cancelamento de corridas pelos motoristas. A resposta pode está no alto preço da gasolina. O elevado valor dos combustíveis pode ser também um dos motivos para o desemprego de motoristas de aplicativos, situação que será abordada em nossa reportagem.

As razões do cancelamento são confirmadas pelo presidente da associação de motoristas por aplicativo. Para o representante da Associação de aplicativos Augusto Ayres ” Hoje me dia nós temos dois principais motivos, um é a inviabilidade desse percurso que se faz em relação ao custo do combustível e o lucro na corrida, e o outro é o alto índice de assaltos. Esses são os dois motivos pelos quais os motoristas cancelam certas corridas.”

Chamar um motorista por aplicativo já foi mais rápido e barato para os usuários. Ultimamente, quem costuma utilizar o serviço em São Luís tem reclamado da espera longa e dos preços altos. Segundo os dados do IBGE, para o segundo semestre deste ano, SÃO 14,4 milhões de desempregados em todo o país.

A motorista de aplicativo Geísa passou a madrugada anterior fazendo viagens por aplicativo. Foram 30 aproximadamente. Quase o mesmo tanto de viagens recusadas. É que, segundo a motorista, tem chamada que não compensa o gasto com combustível. Em outras, a periculosidade do local é que preocupa.

“Infelizmente nós temos que fazer a nossa triagem de verificação para saber se compensa em relação ao combustível, ao local, e por esses motivos existem um número grande de cancelamentos.” afirmou Geísa Batista – jornalista e motorista por aplicativo.

Segundo a presidente do PROCON Maranhão, o cancelamento de uma viagem se configura como ato ilícito, prejudicando quem precisa do transporte. Nesses casos, o aplicativo é que responde.

” Nós não temos registros dessas reclamações, a gente sabe que está acontecendo pelos relatos de redes sociais, mas é importante que o consumidor faça registro dessa reclamação com o PROCON e também com a empresa, para que se consiga especificar e para que se consiga se identificar qual foi o motorista. Vale ressaltar que essa é uma pratica ilegal, pois o código do consumidor fala que é uma oferta falsa, pois o motorista aceita e depois ele cancela é configurado como um descobrimento de oferta.” concluiu Karen Barros presidente PROCON-MA.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *