16 de outubro de 2021

Sem noção e sem vacina da covid-19, Bolsonaro é barrado de entrar em jogo do Santos

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), foi impedido de assistir ao jogo entre Santos e Grêmio, na Vila Belmiro, pelo Campeonato Brasileiro, neste domingo (10/10). O mandatário revelou que o fato de não estar vacinado contra a covid-19 seria o motivo de não poder entrar no estádio.

“Por que passaporte da vacina? Eu queria ver o jogo do Santos agora e falaram que tinha que estar vacinado. Pra que isso? Eu tenho mais anticorpos do que quem tomou vacina”, queixou-se durante uma live exibida em seu Facebook.

O comprovante de vacinação completo é obrigatório para acessar ao estádio. Apenas 30% da capacidade será disponível para os torcedores assistirem a partida entre os dois times da série A.

Em outras ocasiões, o presidente Bolsonaro já havia criticado o passaporte da vacinação e, no início deste mês, disse que se depender do governo federal, o país não adotará a medida. “Quero dizer que naquilo que depender do governo federal, nós não temos passaporte da covid. Nunca apoiamos medidas restritivas. Sempre estivemos ao lado da liberdade, do direito de ir e vir, do direito ao trabalho e da liberdade religiosa”, alegou.

A ausência de normas em nível nacional, segundo especialistas, propicia um cenário de instabilidade e incita a judicialização do tema já que é crescente o número de municípios que adotam o passaporte da vacinação.  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *